Reflexão pós-aniversário

22:36

Com isto tudo acabei por não vos contar, mas tive o melhor aniversário de que tenho memória. A festa mais "arrombosa" que tive foi a dos 18, esta foi mais calminha, mas o pós-festa foi sem dúvida fantástico. Foi em casa da minha avó (o que foi fixe, porque depois dormimos lá e tínhamos a casa só para nós), havia imensa comida e o bolo estava divinal. Tinha rodelinhas de ananás lá dentro e eu devorei-o, basicamente.
Ainda fomos ver o jogo do Benfica ao Quente & Frio, mas infelizmente perdemos, como se sabe. Também não importou, porque estava mais concentrada no facto de ser a minha noite. O Gui levou-me a dançar e foi tudo absolutamente maravilhoso. Ainda estivemos em casa com a Daniela e o Magalhães a comer, conversar, rir e dançar, e daí resultou este belo momento em que eu e o Gui demos em pessoas amorosas e ele decidiu pegar na minha mão e dançar devagarinho enquanto eu chorava baba e ranho devido ao facto de ter o namorado mais maravilhoso de sempre. Vejam só:


Quanto às fotos, fica aqui parte delas (ainda faltam as de grupo!):































Lê também

6 comentários

  1. Isto a sério que não é por mal, nem para soar 'porco' nem nada do género... Imagina uma amiga (muito próxima) a fazer este comentário! x)
    "O Gui tem dedos compridíssimos! Sua marota, Joana!"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, snap, pensava que este era um blogue "sério"! xD

      Eliminar
  2. omg, look, it's me :b
    Foi uma noite tipo wow, adorei, e basicamente obrigada pela noite o:

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário!