Essa coisa de ser amazing

04:22


Não há muito a dizer quando nos perguntam porque é que nos apaixonamos por alguém, ou quando foi o momento exacto em que nos apaixonámos. Sabemos que estamos apaixonados, sabemos que aqueles braços são o melhor lugar do mundo, sabemos que é ali que temos que estar.
Eu não sei quando é que me apaixonei pelo Gui, porque sinto que o amo desde sempre, desde antes de o conhecer. Sinto que ele foi feito para mim e eu para ele, que não há coisa mais certa que isso e que qualquer outra premissa estará absurdamente errada. Sei que me apaixonei por ele, sei o que é que adoro nele, e sei que ele me conquistou com mil pequenas coisas que nem ele mesmo sabe que fez. Mas fez. E é essa a beleza do amor, é o ser natural, é o ser único, é o ser sôfrego. Nem sei se há forma mais lógica de amar que não seja sôfrega e sufocadamente, como se o Mundo dependesse daquilo, como se não houvesse outro sol, outra lua, outro ser. E para mim não há mesmo.

Lê também

4 comentários

  1. O amor é uma coisa muito bonita e inexplicável :)

    ResponderEliminar
  2. Amei o post , ficou super interessante .
    O texto é lindo <3

    ResponderEliminar
  3. Aiiiin , esse texto tá muito legal. Amo ler textos assim !

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário!